O cavalo crioulo disponível

Cabanha Nova Burity realiza 4º Leilão de animais durante Rodeio do CTG Tio Duda, em outubro.

cavalo-crioulo-1O tradicional Leilão de Cavalos Crioulos da Cabanha Nova Burity, de propriedade de Alexandre Di Domênico, já está marcado e neste ano, acontece durante a realização do 15º Rodeio Nacional de Laço Comprido do CTG Tio Duda, na Fazenda Modelo, em Campos Novos.

O rodeio acontece de 28 a 30 de outubro e o 4º Leilão da Cabanha Nova Burity será realizado no sábado, 29 de outubro, a partir das 20hs. A arena de remates já está sendo preparada para o evento.

Belo e de temperamento dócil, o Cavalo Crioulo tem na rusticidade, inteligência e versatilidade grandes diferenciais. A adaptação ao trabalho com gado e resistência para diferentes trabalhos são outras marcas da raça que é melhorada constantemente na Cabanha Nova Burity.

De acordo com o proprietário da Cabanha, Alexandre Di Domênico (Xande), o leilão deste ano traz toda a genética do reprodutor Maneador Carnavalito. “Neste ano estamos implantando uma nova forma de venda de animais, onde a Nova Burity vai oferecer animais com seu mais alto padrão genético, filhos e filhas de Maneador Carnavalito, reprodutor que em 2010 foi insuperável na Argentina, ganhando as principais exposições morfológicas do país e nós tivemos o privilégio, em parceria com outras cabanhas em trazer este cavalo para o Brasil, neste ano já fazendo campeão em Esteio, no Rio Grande do Sul, onde é a meca do cavalo crioulo, e todos os amigos terão a oportunidade de ter exemplares filhos desse cavalo que vem apadrinhando no Brasil, em um evento diferenciado, onde iremos ter um leilão dentro do rodeio do CTG Tio Duda”, afirmou Xande.

A Cabanha Nova Burity irá ofertar neste leilão, nove fêmeas e cinco machos, e os compradores terão parcelas fixas. “Serão parcelas fixas ou preço à vista e temos ainda a opção do plano safra, para pagamento no mês de maio indexado em soja. Os amigos terão três opções então para adquirir os animais nesta parceria com o CTG Tio Duda, com o Juliano e Eduardo Zortéa, neste rodeio que tem grande premiação e nós estamos juntos com a Cabanha Nova Burity”, reforçou.

cavalo-crioulo-2Durante o rodeio, acontece uma competição interna com animais adquiridos no leilão de 2014 da Cabanha Nova Burity. Os animais concorrem a R$ 15 mil em prêmios durante o rodeio. “Esses animais já adquiridos terão uma premiação especial durante o rodeio e teremos também uma premiação aos animais que serão adquiridos neste remate de 2016. Convidamos todos os amigos para que se façam presentes para conferir a grande qualidade genética que a Nova Burity vem oferecer a todos”.

A Raça Crioula é dominante dentro da atividade esportiva do Laço Comprido. Xande destaca que nas pistas do sul, a raça deve responder por até 80% dos animais presentes nos eventos, principalmente pela sua aptidão vaqueira. “O cavalo crioulo tem aptidão para trabalhar com o gado, para ser aquele “pegador de boi”, por ter docilidade, resistência, é um animal com custo barato, porque se mantem bem, bonito, com pouca alimentação e é a raça que mais se desenvolve no Brasil. A raça crioula é para todos os bolsos e proporciona não só no rodeio, mas em outras modalidades, qualidade e eficiência”, finalizou Xande Di Domênico.

*Reportagem Publicada no jornal “O Celeiro”, Edição 1447 de 22 de Setembro de 2016.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui