Em seu último ano de mandato, Milena Lopes diz quais seus projetos para 2020

Prefeita de Vargem, Milena Lopes

Prefeita de Vargem investiu em saúde e infra-estrutura, mas diz que o município ainda precisa aumentar em emprego e renda.

Há três anos a frente da administração do município de Vargem, a prefeita Milena Lopes terá mais um ano para dar prosseguimento a seu plano de governo que desde o inicio visou o desenvolvimento da cidade de pouco mais de três mil habitantes. Parte de seus objetivos foi alcançado, mas ainda há algumas obras que devem ser concluídas, e mais projetos em andamento envolvendo a questão de emprego e renda que, segundo Milena, é uma situação que precisa ser melhorada. Com viagem programada para Brasília, a prefeita pretende conseguir mais recursos para serem utilizados na execução dos projetos.

Milena comenta algumas ações para proporcionar uma vida mais digna aos moradores de Vargem. “Estamos buscando mais recursos para investir em infra-estrutura, saúde e educação. Vamos atrás de recursos junto aos políticos para executar o plano de governo e atender a demanda da cidade. Temos quatro projetos de pavimentação asfáltica que trará qualidade de vida da população. Temos convênios a ser firmados para a manutenção das estradas do interior, trabalhamos diuturnamente para que as estradas fiquem em bom estado e o homem do campo possa escoar sua produção. Temos o projeto da Funasa que é a rede de água da comunidade Didomenico e Gramado que vão atender mais de 70 famílias. E o projeto maior de saneamento básico, no valor de R$ 2,5 milhões. Nós encontramos a cidade com 0% de saneamento e agora temos 100% da área urbana melhorada com o saneamento trazendo mais saúde e qualidade de vida para as pessoas”, alistou Milena. Em breve serão colocados pontos de coleta de lixo nas comunidades do interior.

Na questão de saúde, que é uma prioridade na administração de Milena, os serviços e convênios estão firmados para permitir que a população tenha acesso a todos os tratamentos de que precisam. “Desde o início somos referência nos cuidados da saúde, investimos nisso e temos uma equipe de saúde comprometida, fazendo com que a gente consiga atender desde a atenção primária até a média e alta complexidade, por meio de encaminhamento através dos consórcios de saúde, como o Cincatarina, que nos permite otimizar os recursos públicos”, pontuou. De acordo com ela a saúde é um dos principais pilares a ser investido, pois, somente com boa saúde que é possível trabalhar, estudar e realizar bem as demais atividades do cotidiano.

Milena chega ao último ano de seu mandado satisfeita e feliz por tudo que conseguiu fazer, porém diz que ainda há situações que a desagradam, como a questão de renda e empregabilidade do município, mas para ela as perspectivas são boas. Em breve serão retomadas as obras da Usina São Roque, fato que deixou todos animados. “Estamos bem otimistas em relação a retomada das obras da Usina São Roque, que se encontra com 80% da obra concluída. Isso vai gerar emprego e renda e melhoria na economia local e regional e a melhoria nos tributos e nos cofres públicos. Com isso podermos oferecer mais assistência a população”, reflete.

Ainda referente a geração de renda, a prefeita está em contato com empresas estrangeiras que poderão se alocar no município. “Estamos em conversa com a Câmara de Comércio e Indústria da Coréia do Sul e com a China para trazer mais empresas privadas para se instalarem na cidade, por conta disso nós aprovamos no final de 2019 um projeto de lei para incentivos fiscais, conforme a geração de emprego de cada industria. Vamos buscar incentivos para construção de galpões para as empresas que vão se instalar na cidade. São etapas que devem ser concluídas para trazer investidores”, completou Milena. Com esse quadro em mente, pretende-se investir também em qualificação profissional para preparar as pessoas para ingressarem no mercado de trabalho. Estão sendo programados cursos profissionalizantes que atenderão a demanda que deverá surgir na região. Milena reforça que seu objetivo é contribuir para o desenvolvimento do município, da região e do estado de Santa Catarina. “Estamos engajados em vários projetos a nível local e regional para contribuir e trazer bons resultados”, concluiu.

*Reportagem publicada no jornal “O Celeiro”, Edição 1613 de 20 de fevereiro de 2020.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui