O tempo das vacas saudáveis

A natureza é incrível, não apenas por tudo que ela tem capacidade de nos oferecer para a manutenção da vida, mas também por todas as lições que podemos e devemos aprender com ela.

A agricultura tem vivido um momento de muitas alegrias. Produtores estão com o sorriso de olheira a olheira. Parece que estamos vivendo a passagem bíblica no qual destaca tempos de fartura, os chamados tempos das vacas gordas. Com o gráfico apontando para cima significa que agora é a hora de aproveitar o momento e, usando a mesma analogia, os celeiros devem ser abastecidos.

Conforme entrevista concedida por um produtor rural para a matéria de capa desta semana, os bons tempos nunca seguiram uma linearidade. É sempre cheio de altos e baixos. Portanto, os tempos de vacas magras são comuns e esperados. e para o futuro já se espera algumas mudanças que podem fazer a diferença no bolso dos proprietários rurais. Fatores variáveis como clima, altos custos, pragas inesperadas geram uma crise.

Mas enfim, o que aprendemos com isso? O agronegócio é uma mola econômica muito forte. E mesmo com todo seu potencial a agricultura passa por reveses e dificuldades que deixam o homem do campo de cabelo em pé. E mesmo assim eles se reinventam, se renovam e voltam sempre mais forte. Ninguém está imune aos problemas, todos enfrentamos os tempos de vacas desnutridas e gordas. Faz parte. Mas que nada impeça as pessoas de sonhar, lutar e buscar seus objetivos.

Por: Priscila Nascimento, Jornalista

*Editorial publicado no ‘Jornal O Celeiro’, edição, 1699 de 21 de outubro de 2021.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui