Quinta-feira , 22 Fevereiro 2018
Home / Agronegócio / Coocam realiza 1º Dia de Campo no Mato Grosso

Coocam realiza 1º Dia de Campo no Mato Grosso

A grande participação dos produtores em busca de mais conhecimento marcou o evento da filial de Ribeirão Cascalheira.

A região Centro-Oeste do Brasil é conhecida pela alta produtividade de grãos. Isso porque os produtores estão sempre atentos às novidades do mercado para aplicar nas lavouras. Porém, no município de Ribeirão Cascalheira, estado do Mato Grosso, não são comuns eventos parecidos com o Dia de Campo realizado no último final de semana, dia 03, pela Cooperativa Agropecuária Camponovense (Coocam). Como também não é comum ver cooperativas trabalhando em prol do coletivo. Lá os produtores buscam as novidades por conta própria e esse diferencial da Coocam torna-a não apenas dos cooperados, mas de inúmeros empresários do setor.

“Unidos em prol do agronegócio”. Assim descreveu Jean Fabrício Fornara Lemos, gerente de compras da Coocam, falando sobre a organização do Dia de Campo e a participação dos convidados. Na opinião de Fabrício o evento de Ribeirão Cascalheira foi muito bem estruturado e os organizadores puderam mostrar aos produtores como são os formatos dos eventos realizados nas demais filiais da Coocam. Esse foi o 1º Dia de Campo da Coocam no Mato Grosso.

Cerca de 150 pessoas estiveram presentes, entre elas, autoridades locais, produtores e a comitiva da matriz da Coocam que durante toda a semana esteve visitando as Fazendas da Agrocam (Agropecuária de cooperados da Coocam no Mato Grosso), coordenada pelo produtor Alexandre Alvadi Di Domenico. O número de participantes foi excelente, considerando que as pequenas áreas produtoras naquela região do Brasil giram em torno de 200 hectares (ha), podendo ultrapassar 50 mil ha de terreno de um único produtor. A Coocam comemora o resultado do evento e acredita que está no caminho certo.

“Lá a realidade é diferente daqui do Sul, pois as áreas são extensas, sendo assim, as necessidades deles são muito diferentes das nossas com uma responsabilidade para adoção de tecnologia imensa, onde os produtores estão sempre querendo conquistar altas produtividades safra após safra. A Coocam já assimilou essa ideia deles e procurou atender a demanda nesse Dia de Campo, juntamente com as empresas parceiras”, ressaltou o vice-presidente da Coocam, Riscala Fadel Junior.

Durante o evento foi servido bolo em comemoração aos 25 anos da Coocam. A Cooperativa Agropecuária Camponovense foi fundada dia 21 de janeiro de 1993 e a data está sendo lembrada durante todas as programações deste ano de 2018. O próximo Dia de Campo da Coocam acontece em Barracão, dia 17 de fevereiro.

Troca de experiência

Como a troca de experiência é um dos objetivos da Coocam, o modelo de gestão utilizado pelos produtores do Mato Grosso pode ser compartilhado na Região Sul. Eles trabalham em suas propriedades de forma profissional e controle eficiente considerando cada fator, seja administrativo ou financeiro.

“Todos os produtores, indiferente do tamanho de suas áreas de produção, são altamente qualificados e tem todos os custos e resultados. E isso é muito importante para as tomadas de decisões dentro da propriedade”, observou o presidente da Coocam, João Carlos Di Domenico.

Em contra partida a região é carente de projetos sociais e modelos como Escola no Campo e Campo Limpo, são iniciativas que devem ser implantadas pela Coocam na região onde está essa filial, assim como acontece na matriz em Campos Novos (SC) e nas filiais de Barracão (RS), Curitibanos (SC) e Lebon Régis (SC). De acordo com João Carlos, o intercambio entre as regiões Sul e Centro-Oeste é um grande ganho. “Levamos o que temos de melhor aqui no Sul e vamos buscar lá no Centro-Oeste o que eles têm de melhor. Com certeza vamos colher muitos resultados com isso e proporcionar grandes lucros aos nossos produtores”.

Os Programas sociais da Coocam devem começar no Mato Grosso ainda esse ano com o Projeto Escola no Campo. “Será um Programa piloto implantado em uma escola rural de Ribeirão Cascalheira”, compartilha João Carlos Di Domenico, presidente da Coocam.

*Com informações assessoria de comunicação Coocam.

*Reportagem publicada no jornal “O Celeiro”, Edição 1515 de 08 de fevereiro de 2018.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *